Get Adobe Flash player

Q1030

Q-10 30 mg


A coenzima Q-10, também designada por ubiquinona é fundamental na produção da energia responsável pela actividade celular, sendo particularmente importante ao nível das células do coração. Actua ainda como antioxidante neutralizando os radicais livres que são formados durante o exercício físico intenso e todos aqueles que resultam do processo de geração de energia. Sendo de grande utilidade no melhoramento e protecção da função cardíaca, é também procurada para aumentar os níveis de energia e reforçar as defesas naturais do organismo, na obtenção de uma melhor performance física e ainda como coadjuvante nos regimes de perda de peso.

Suplemento alimentar

Um pequeno nutriente para um grande efeito

A coenzima Q-10 (CoQ10) ou ubiquinona á uma substancia lipossolúvel semelhante a uma vitamina que existe em todas as células humanas. Os níveis de CoQ10 tem tendência a diminuir com a idade, sendo normalmente baixos no caso de pacientes que apresentam doenças cardíacas, distrofias musculares, doença de Parkinson, cancro diabetes e HIV/AIDS. Este nutriente, que existe naturalmente em muitos alimentos em quantidade pouco significativas, é produzido no interior de todas as nossas células, mas na maioria das vezes de forma insuficiente, tornando necessária a sua suplementação alimentar.

A função da CoQ10 é fácil de compreender se considerarmos que as vitaminas funcionam como coenzima, e que estas intervêm em milhares de reacções bioquímicas essenciais ao correcto funcionamento do organismo. A função principal da CoQ10 é a produção de adenosina trifosfato (ATP), composto necessário á produção de energia celular. Para além disso também actua como um poderoso antioxidante.

A coenzima Q-10 está a ser estudada no tratamento de inúmeras doenças, e apresenta já vários resultados promissores. Os estudos incluem o tratamento de anginas, cancro, HIV/AIDS, doença de Alzheimer, performance desportiva, ataxia de Friedreich’s, doenças das gengivas, enxaquecas, deficiências mitocondriais, problemas renais, diabetes, doença de Parkinson e doença de Huntington.

Os resultados conhecidos da utilização de CoQ10 como suplemento alimentar, incluem aumento de energia, melhoramento da função cardíaca, prevenção e tratamento de afecções das gengivas, estímulo do sistema imunitário e um possível prolongamento da vida celular.

A maior quantidade de coenzima Q-10 (logo a maior necessidade de enzima) está localizada no coração e no fígado, facto que contribui para os resultados positivos obtidos no tratamento de doenças cardíacas, angina de peito, insuficiência cardíaca congestiva, miocardipatia, insuficiência cardíaca relacionada com o hipertiroidismo, prolapso da válvula mitral e hipertensão.

A CoQ10 é usada por milhões de pessoas diariamente, e nunca foram referenciados efeitos adversos da sua utilização prolongada, contudo não deve ser utilizada em caso de gravidez ou aleitamento, uma vez que nestes casos a sua segurança ainda não foi cientificamente provada.


  • Facebook: 100010063560908
  • YouTube: MydoctorClinic

Conselhos de saúde do Prof. Carvalho Neto.