Get Adobe Flash player

Q10150

Q-10 150 mg


COENZIMA
150 mg
Suplemento Alimentar
30 Comprimidos

COMPOSIÇÃO:

Cada comprimido fornece: % DDR* (CEE)

Coenzima Q-10 150 mg ----
Cálcio 160 mg 20%
(fosfato dicálcico e carbonato de cálcio)
Fibras alimentares 300 mg

Dose Diária Recomendada DDR*
Outros ingredientes: Fosfato dicálcico (espessante), celulose vegetal (aglomerante), óleo vegetal (lubrificante). Agente de revestimento alimentar de origem vegetal. Produto isento de citrinos, milho, ovo, glúten, leite, sal, soja, amido, açúcar, trigo, levedura, ceras, solventes, corantes, conservantes e aromatizantes artificiais.

Adequado a vegetarianos.

Suplemento alimentar

Um pequeno nutriente para um grande efeito

A coenzima Q-10 (CoQ10) ou ubiquinona á uma substancia lipossolúvel semelhante a uma vitamina que existe em todas as células humanas. Os níveis de CoQ10 tem tendência a diminuir com a idade, sendo normalmente baixos no caso de pacientes que apresentam doenças cardíacas, distrofias musculares, doença de Parkinson, cancro diabetes e HIV/AIDS. Este nutriente, que existe naturalmente em muitos alimentos em quantidade pouco significativas, é produzido no interior de todas as nossas células, mas na maioria das vezes de forma insuficiente, tornando necessária a sua suplementação alimentar.

A função da CoQ10 é fácil de compreender se considerarmos que as vitaminas funcionam como coenzima, e que estas intervêm em milhares de reacções bioquímicas essenciais ao correcto funcionamento do organismo. A função principal da CoQ10 é a produção de adenosina trifosfato (ATP), composto necessário á produção de energia celular. Para além disso também actua como um poderoso antioxidante.

A coenzima Q-10 está a ser estudada no tratamento de inúmeras doenças, e apresenta já vários resultados promissores. Os estudos incluem o tratamento de anginas, cancro, HIV/AIDS, doença de Alzheimer, performance desportiva, ataxia de Friedreich’s, doenças das gengivas, enxaquecas, deficiências mitocondriais, problemas renais, diabetes, doença de Parkinson e doença de Huntington.

Os resultados conhecidos da utilização de CoQ10 como suplemento alimentar, incluem aumento de energia, melhoramento da função cardíaca, prevenção e tratamento de afecções das gengivas, estímulo do sistema imunitário e um possível prolongamento da vida celular.

A maior quantidade de coenzima Q-10 (logo a maior necessidade de enzima) está localizada no coração e no fígado, facto que contribui para os resultados positivos obtidos no tratamento de doenças cardíacas, angina de peito, insuficiência cardíaca congestiva, miocardipatia, insuficiência cardíaca relacionada com o hipertiroidismo, prolapso da válvula mitral e hipertensão.

A CoQ10 é usada por milhões de pessoas diariamente, e nunca foram referenciados efeitos adversos da sua utilização prolongada, contudo não deve ser utilizada em caso de gravidez ou aleitamento, uma vez que nestes casos a sua segurança ainda não foi cientificamente provada.



  • Facebook: 100010063560908
  • YouTube: MydoctorClinic

Conselhos de saúde do Prof. Carvalho Neto.